food, art & spirits

food, art & spirits

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

cheese syndrome


Eu fui notando aos poucos esta mania de colocar queijo em tudo. Primeiro, a praga do cream-cheese nos sushis e temakis da cidade- inclusive já ouvi um cliente pedir "um temaki com muito cream-cheese e salmão". Depois, os potes de queijo ralado nos buffets dos restaurantes para almoço - e tome salada com queijo "tipo" parmesão (detesto coisas "tipo"!), sopas de qualquer sabor cobertas de queijo ralado, picanha assada com queijo, filet assado com queijo, frango assado com queijo - quem inventou esta moda? Na praia, servem caldinho de camarão, feijão, peixe e sururu com as opções de acréscimos - bacon, azeitonas, ovos de codorna e - queijo ralado, uma meleca impensável saída de garrafas térmicas suspeitíssimas. Cachorro quente de carrinho, a epítome da junk food, hoje vem com as variantes milho, molho de tomate e...sim, queijo ralado. 
Mas ontem eu ví o que seria o ponto alto desta síndrome lacto/proteica. Já vou avisando - preparem-se, o relato a seguir não é para fracos.
Numa churrascaria ótima aqui em Recife, um cliente vem com o prato cheio de sushis, praticamente uma muralha feita de arroz, alga e peixes diversos. Ao lado, um potinho quase transbordando de um líquido marrom viscoso, algo entre um molho tarê e uma redução intensa de aceto balsâmico. Não era shoyu pura e simples pois era bem grosso, quase um caramelo. E então o comensal pede a um dos garçons um potinho de queijo ralado...
Neste momento, meus sentidos se aguçaram. Coloquei em prática toda minha habilidade em bisbilhotar a mesa vizinha sem ser notado, técnica esta desenvolvida ao longo das inúmeras viagens que fiz sozinho a trabalho. Pois o cliente, com a habilidade de um contumaz consumidor de comida japonesa, ao receber o recipiente de queijo ralado fez a seguinte operação - pegava o sushi com os hashis, besuntava ele no molho, rolava em seguida no queijo e depois mandava esta gororoba goela abaixo, sob meu - a esta altura nada discreto - olhar atônito. Eu tinha a impressão de que, caso houvesse uma panela cheia de óleo fervente ao seu lado, ele ainda era capaz de fritar aquele empanado estranho antes do momento final. Sorry, esqueci um detalhe - antes de comer aquele sushi ítalo-japonês, ele ainda colocava uma bola de wasabi no topo. Este ...como dizer, prato, era o típico representante da Confusion Cuisine, um braço determinado e cada vez mais presente da Fusion Cuisine

Onde foi que esta história começou, será que foi resultado de um lobby da indústria "queijeira"? Por ser o queijo um dos alimentos primevos, será uma inconsciente volta às origens do homem? Ou será que o comensal, pura e simples, está pensando apenas na quantidade de comida que ingere - e tome acúmulos, em vez da simplicidade essencial? Ou será que eu estou implicando com uma coisa por causa da minha idade avançando?
Sei lá...esta última pergunta me deixou cabreiro...idade avançando...detestei isto.


28 comentários:

  1. Acho que o molho viscoso deve ser o teriyaki.

    ResponderExcluir
  2. irc! assino em baixo ... tb não sei de onde tiraram esta mania ... e olha q sou um grande apreciador de queijos ... mas para tudo na vida tem limites né?

    bjão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também adoro queijo, Paulo. Mas bem usado. Bjs!.

      Excluir
  3. Idade avançada.... hummmmm sei não, talvez!!!! kkk.... brincadeira Wair.
    Mas eu também já notei a abundancia do produto, pois ele me da uma baita dor de estomago...rsr..agora, sinceramente, no sushi(???).... passou do ponto!!!!
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. tenso com a idade avançada, e você ainda brinca com isso? Beijos"

      Excluir
  4. Você não implicou com nada! Aliás tenho a sorte e o encanto de vê-lo acertar sempre Wair.

    ResponderExcluir
  5. Putz... Tô com o B: adoro queijo, mas assim já é doença!

    ResponderExcluir
  6. Rolando de rir aqui...Lembrei de um trecho de um livro do Dória: "O arroz, o feijão preto, um pedaço de paio e uma costelinha estão arranjados como um diminuto jardim em torno de um enorme obelisco vermelho, que é um pedaço de melancia cortada com apuro e assentado sobre uma “grama” de couve. Arrumados nos quadrantes do prato, quatro sushis lembram banquinhos nessa minipraça comestível. Tudo deu 450 gramas. A secretária gordinha sorri satisfeita, enquanto busca um canto para se sentar à mesa de sua amiga, que está diante de um prato com macarrão ao molho branco e bacon, banana fatiada e sushi." Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meusdeuses! Valha-me minha nossa senhora do estmazil...adorei o texto, tks! Beijos

      Excluir
  7. Bom... de idade avançada sofremos todos nós... hahahaha... e eu sou suspeito pra falar... afinal, adoro queijoooooooooo! Minha silhueta que o diga... hahaha!
    E sabe que acho que já vi o tal reality... mas não me ative muito não! Vou conferir pra ver o Rodiney... hahahaha!
    Hugz, man! Tava sumidinho, nzé? Bom findi!

    ResponderExcluir
  8. Não sei o que é melhor - o texto divertido ou a foto do Remy com o queijinho...AMEI!!! Bjks
    Lucy

    ResponderExcluir
  9. hauaauhauahau
    tem q haver regra nessa coisa né?
    queijo em tudo naum rola.

    agora, vc é de Recife? jurava q era de SP.

    ResponderExcluir
  10. Sou de SP, mas vivo emtre as duas cidades. Isso pq nao entrei no capitulo catupiry, que invadiu a praiacom tudo- pizza, coxinha, pastel...

    ResponderExcluir
  11. Ola meu caro!

    Assim com o Bratz e vc, eu amo queijo, mas também acho que tudo tem seu limite, e se for falar no 'catupiri' o limite transbordou mais ainda!!
    Seu vizinho de mesa, olhou o Sushi e pensou: -Isso não tem colesterol, vou arrumar uma maneira agradável de colocar.

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deve ter sido isto...agora, não era uma maneira "agradável", garanto. abs

      Excluir
  12. Fala Wair! Blz, man!
    "Top 10 com os beijos e amassos de Keller em OZ"?!? Hummmmmm... isso mutcho me agrada... hahaha... sugestão anotada! Boa semana e abração pra ti, guri!

    ResponderExcluir
  13. Rapaz, com esta você horrorizou...

    Fique tranquilo que não é velhice. Atribuo estes exageros ao fenômeno do Buffet por quilo. Um dia ainda vou escrever sobre isto... E quer saber mais? Repare no exagero, ou melhor, na "ditadura" das sobremesas com chocolate: tudo agora tem chocolate, leva chocolate. É chocolate prá tudo que é lado... Mais cacau produzido no mundo? Não, a indústria é que desenvolveu substitutos (bem mais) baratos para a manteiga de cacau e colocou "chocolate" em tudo que é canto.

    Arrisco apostar que a próxima onda de exageros será com os azeites trufados: bife a milanesa com azeite trufado, sarapatel com azeite trufado (e tipo parmesao por cima, claro)...

    Eu vou ficar escondido na minha cozinha. Esperarei pela moda das ostras, do foie gras, do papo de anjo e do doce de abóbora com queijo (este queijo, note bem, mineiro, da serra da canastra).
    Abraço,
    Rogério

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rogério, espero ansioso a moda do queijo da serra da canastra com doce de abóbora. Isto é um original de categoria, e não o que andamos vendo.
      Eu não sou fã de!azeite trufado. Gosto de trufas, mas é diferente, não acha?
      Abraços!

      Excluir
  14. hahaha! le horreur! tem mais erro nessa cena, alem do "coiso" ralado e do molho viscoso não identificado. sushi na churrascaria? abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fer, eu juro - essa churrascaria tem frutos do mar perfeitos (ih, está piorando...), uma caipirinha de caju criminosa de boa e sushis (que eu nunca provei, juro!). E clientes estranhos também...
      Abs!

      Excluir
  15. você deve estar é sofrendo influência de algum mineiro, não? eu sou mineiro e posso dizer que queijo é nossa especialidade!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu adoro queijo da Serra da Canastra, p.ex. Mas NEVER no sushi...abs!

      Excluir
  16. Sabe onde eu achei queijo outro dia? Em um saco de pipoca! Sim, pipoca com queijo era uma opção e um pedaço veio para o meu saquinho por engano!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana, esqueci da pipoca! Tem pipoca com parmesão, com chedar, com provolone...duploeca! abs

      Excluir
  17. Mas as invenções não são sócom queijo. Quem
    Inventou que é bom encontrar uma azeitona de surpresa em uma empada ou pastel?
    Um inventa e vira moda!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aí discordo...desde que o mundo é mundo, empada com azeitona é clássico!rsrsrs
      bjs

      Excluir
  18. Wair, bem lembrado, Azeitona na Empada é um clássico, em nada se assemelha a onda do queijo em tudo que é prato!
    Bjk
    Mia

    ResponderExcluir